E SE O FUTEBOL FOSSE ESTATIZADO?

FULECO MORREU

Logo após a derrota do Brasil pela grandiosa Alemanha  de 7 a 1 na semi-final  da Copa do Mundo, o ministro do esporte ( essa pasta nem deveria existir), Aldo Rebelo teve um ”pire- paque” soviético  e prometeu trazer a solução para corrigir o desastre da seleção brasileira: a intervenção do Estado no futebol. Não poderia ser mais original vinda de uma burocrata comunista, que enxerga no Estado a mola propulsora do desenvolvimento humano. É típico de políticos desta estirpe atribuir ao Estado o controle de todas as atividades da ação humana em prol da busca por um bem supostamente superior a tudo aquilo que já existiu. Bem este que estaria ao alcance de burocratas que detém o monopólio da noção sobre o que seria melhor para a humanidade, sem ao menos consultar as necessidades individuais das pessoas. Assim é a mentalidade do ministro Aldo Rebelo, filiado ao PC do B. Mentalidade essa que despreza a competição, a livre iniciativa  e, principalmente, o indivíduo.

A substituição da economia de mercado pelo planejamento central do Estado, além de ter se mostrado um desastre no passado, é visto com entusiasmo pelos coletivistas como  uma ”redenção espiritual”. Uma espécie de superação do egoísmo humano.

Porém,  aqueles que amam o futebol devem ver com extrema desconfiança a proposta do ministro, pois tal já foi verificada na experiência humana. E porque tal solução não seria a ideal para o  futebol?

Os clubes são empresas privadas, ou seja, perseguem o lucro. Os jogadores são contratados não por cotas sociais ou indicações políticas, e sim por seus talentos .Os patrocinadores investem nos clubes com base no mesmo mecanismo de incentivo: persegueguir o lucro e vender seus produtos. E como um campeonato de futebol é uma competição entre os times, aquele que fizer uma excelente campanha irá captar recursos via patrocínio de empresas privadas que querem vender seus produtos aos torcedores, ao mesmo tempo em que buscam expandir seus mercados. O jogador que mais se destacar  tende a receber convite para integrar a seleção brasileira e trabalhar em campanhas plublicitárias, isso porque o patrocinador quer vincular a sua marca à imagem de alguem que vence, ou que tem muitos fãs. Este é o cerne do capitalismo no esporte.

Se esses incentivos fossem substituídos pela intervenção estatal, provavelmente os burocratas teriam uma enorme dificuldade para gerir o futebol, a começar pela falta de conhecimento a respeito da distribuição de talentos,condição essencial para escalar um time e bolar uma estratégia de jogo. Tal informação é importante, pois orienta os investidores e patrocinadores a alocarem seus  recursos da melhor forma possível. Tudo na base pela busca de seus interesses pessoais. A despeito daqueles que acham esse raciocínio o cúmulo do egoísmo e da ganância, tais informações são essenciais, pois ninguem quer investir em um clube que não tem uma torcida fiél e não consegue uma vitória sequer.

Mas o problema mais grave para o Estado seria a captação de recursos para financiar os eventos esportivos. Se não houver a busca do lucro, pois neste contexto  não haveria empresas privadas operando os negócios no futebol,  a ÚNICA forma do Estado conseguir dinheiro é enfiando a mão no bolso de quem trabalha e produz riqueza . Se o Estado já rouba 40% do contribuinte via impostos e taxa quase em 100% a folha de pagamento dos trabalhadores, a estatização  representaria um INFERNO FISCAL na vida de todos os brasileiros. Oremos para que não surja uma ” FULECOBRÁS”.

Anúncios

2 comentários em “E SE O FUTEBOL FOSSE ESTATIZADO?”

  1. Ótimo texto, você tem toda razão!
    O estado já demonstrou que não presta nas suas funções mais básicas, como poderia arcar com mais uma função sendo que ele é incompetente em tudo?

    Só socialistas mesmo que pedem por isso, são devoradores de impostos.

    Curtir

  2. Costumo dizer que o desejo de um socialista é viver às custas de quem trabalha e produz riqueza. Viver na mordomia, sem executar qualquer trabalho, e ainda se projetando como um guru das massas, tem sido o sonho que muitos perseguem.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s